Encontro dos Conselhos provinciais de Espanha e Portugal 11-14 Fevereiro

IMG8819 2[Província de São Vicente, Madrid] No primeiro  dia  a Irmã Maria Eugénia, Visitadora da Província de São  Vicente, Madrid, iniciou a reunião com Santa Teresa, na cidade que exala Santo por  todos os lugares. Ela nos deu a sua equipe,a  pena, a campaínha ,as  sandálias, suas jarras,   e sua mensagem,: “Que nada  te perturbe, nada te assuste , tudo passa, Deus nunca muda. A paciência tudo alcança. Quem tem Deus, nada lhe falta. Só Deus basta “.

Irmã Kathleen em sua saudação  convidou-nos a entrar no espírito desses dias para compreender o que Deus está fazendo por nós.Estejamos  aberto à graça que Deus nos concede generosamente. Transformemo-nos  no que recebemos -o Corpo de Cristo!

IMG7826 1O Padre Gregory em sua homilia deu-nos pistas para descobrir alguns “deuses estranhos” que podemos estar  adorando. Em sua palestra ele foi “ousadia”  “ousemos” Documento Inter-Assembleia que vêmo-lo como um presente para tornar a vida nas comunidades locais. Nos convidou a semos  comunidades em missão realizada em diferentes relacionamentos: com Deus, com a Igreja, com a Família Vicentina e com os nossos senhores e mestres os pobres. Ele colocou grande ênfase na colaboração com a  Família Vicentina e anunciou o novo ano Vicentino, “Eu era um estranho …” pensar quem são os  estrangeiros.

Irmã Manuela, visitadora de  São  Sebastião , apresentou a realidade da Companhia  em Espanha: muitas Irmãs, muito serviço aos pobres … uma pequena semente que brota e grande experiência de muitas Irmãs, das quais um número ainda estão servindo pobres. Também sabíamos que a realidade da Companhia em Portugal, a escolha feita na linha da Carta Magna e a experiência de criar uma comunidade internacional, que são filhas de Freguesia em uma casa alugada.

No segundo dia irmã Kathleen Nos apresentou o tema “Um impulso missionário inspirado pela caridade. Ser F. C. hoje. ” Lembrou-nos da  força que devemos  colocar naqueles aspectos mais necessários para sermos  verdadeiras Filhas da Caridade hoje e não perder de vista a ousadia dos nossos fundadores, que eram muito diferentes em sua época e hoje nós traduzimos  isso para a realidade de nossas Províncias . Nosso amor apaixonado pelos pobres; uma íntima e um forte sentido de pertença à Companhia e a convicção de que somos filhas da Igreja. Com sua simplicidade e proximidade ela colocou  o dedo sobre a ferida. Falou-nos  de máximos e mínimos: Ser pelo menos muito espiritual e muito trabalhador. Ela encorajou-nos a ser o melhor que podemos  ser. Só Deus sabe o nosso futuro, e  graças porque é assim.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Padre  Jesus Mari Alemany, S. J.  nos apresentou “os feridos da humanidade hoje. Desafios para a Companhia. “ Ele nos lembrou que, acima de tudo somos seguidoras de Jesus Cristo e Ele nos leva aos desertos, periferias e fronteiras. Nós vamos definir como ser cristãs e não podemos deixar de ser ousadas. Nós mostramos as sete maiores chagas da humanidade hoje, onde podemos perceber o DIA. Como Terapia para transformar nosso mundo nos  apresentou a agenda de 2030  para o Desenvolvimento Sustentável. 

Ele terminou  encorajando-nos a transformar  a utopia do Evangelho e a Cruz em realidade, onde Deus nos abraça e nós abraçamos a ele.

Padre  Bernardo  desenvolveu o primeiro tópico do documento Inter-Assembleia  “Um modo de vida dinamizado  pelo evangelho“. Nos deu como exemplo o estilo de vida das primeiras comunidades cristãs, as quatro fidelidades que  não podemos ignorá-las.Fez  tanbém uma chamada a empenhar-nos no mundo de hoje, desde o anúncio da Palavra de Deus aos pobres diálogo, inter-religioso, e viver uma vida simplificada para o Evangelho escolhendo a ser pobres para combater a pobreza.

Irmã Carmen nos apresentou documento Inter-Assembléias novamente  nos entusiasmou  com “Uma Companhia  enriquecida com a   participação de todas na  Companhia “ ela nos  ttêm o prazer  de chamar a companhia  a tornar-se um estilo de vida mais fácil, mobilidade, disponibilidade e profundidade de  vida espiritual, que teve as primeiras Irmãs. Explicamos o processo de elaboração do documento. A força colocar no “ousemos” Eu tenho certeza que ele tem nos incentivado a fazer toda a vida.

A apresentação  de documento da Pastoral vocacional para as Filhas da Caridade de Espanha, tão entusiasticamente apresentado pelas duas irmãs Interprovinciais  da equipa. “O Senhor continua a chamar, portanto, gerar uma cultura vocacional na educação interioridade”. “Para fortalecer a pastoral familiar, local de prioridade onde a fé é vivida.” “Aumentar a consciência sobre os valores da vocação”. “Formação e apoio para os jovens.” Seja alegre e consistente testemunho da nossa vocação. ” Tudo isso nos prometeu apoiar as linhas de acção e recolher todas as irmãs que são especialmente mais próxima dos jovens.

Ir.  Joana Maria Belzunegui para terminar  a reunião fez uma excursão da experiência vivida nestes dias e agradeceu aos Superiores, a província de São Vicente por sua acolhida e hospitalidade, a Comissão de coordenação e de Liturgia para o seu trabalho, o padre  diretor partilhou  a mesa com Jesus Cristo e todos os presentes pela sua participação entusiástica.

Tirada das palavras de encerramento   de ir. Joana Maria Belzuneg F.C.

Views: 2.433