Festa de S. Vicente de Paulo

Festa de S. Vicente de Paulo

Acolher o Estrangeiro

 

Leitura:  A porta está aberta ou um outro Hino Vicentino

            (Canção para os 400 anos; abaixe a música e letra aqui: http://famvin.org/en/famvin400/ )

Leitura:  De S. Vicente aos membros da Congregação da Missão no dia 22 de Agosto de 1655 Tomo XI:

Eia pois, peçamos a Deus que dê à Companhia este espirito, este coração, este coração que nos faça ir por toda a parte, este coração do filho de Deus,coração de Nosso Senhor…que nos dispõe a ir, como ele…de trazer este fogo divino …por todo o mundo”

Resposta:

Animador: Jesus é o único que nos dá força de ousar a supercar nossos medos para proclamar a Boa Nova do Evangelho. 

Todas:  somos chamadas a ter uma nova perspectiva e estarmos mais abertas aos desafios e novos horizontes.

Animador: Um elã missionário inspirado pela transforma-nos.

Todas: – somos chamadas a ter uma nova perspectiva e estarmos mais abertas aos desafios e novos horizontes.

Animador: Gloria ao Pai

Todas: – Jesus é o único que nos dá força de ousar a supercar os nossos medos de proclamar a Boa Nova do Evangelho. somos chamadas a ter uma nova perspectiva e  estarmos mais abertas aos desafios e novos horizontes.

Pausa para reflexão …

 

Leitura:  De S. Vicente aos membros da Congregação da Missão em Janeiro, de 1657 Tomo XI:

“Deus ama os pobres,e, por conseguinte,ama aqueles que amam os pobres,

Vamos e ocupemo-nos com um novo amor no serviço dos pobres e busquemos até mesmo os mais pobres e abandonados. Reconheçamos diante de Deus que els são os nossos Senhores e mestres, que somos indignos de lhes prestart nossos pequenos serviços.

Animador: Buscai novas maneiras de servir com criatividade.

Todas: -Para ir às periferias e aos lugares difíceis.

Animador :Saiamos de nós mesmas, resistir aos obstáculos que nos impedem de ser disponíveis .

Todas: – Para ir às periferias, e aos lugares difíceis.

Animador: Gloria ao Pai… buscai novas formas de servir com criatividade

Todas: – Para ir às periferias, e aos lugares difíceis.

Pausa para a reflexão…

 

Leitura:  De São Vicente às Filhas da Caridade no dia 31 de Julho de 1634:

“Deveis estar na disposição de irdes para toda a parte para onde vos mandarem dizendo: Não sou daqui nem dalí, mas de qualquer parte onde aprouver a Deus que eu esteja.”

Resposta:

Animador: Estamos convencidas da necessidade de buscar constantemente o       Evangelho,

Todas: A familiaridade com o Cristo para nos transformar dia após dia.

Animador: Ousemos mais a desenvolver,

Todas: A familiaridade com o Cristo para nos transformar dia após dia.

Animador: Gloria ao Pai …

Todas: Estamos convencidas da necessidade de buscar constantemente o Evangelho para nos deixar transformar dia após dia…

Escutamos as palavras do Santo Padre na encíclica “Alegria do Evangelho”:

” Saiamos, saiamos para oferecer a todos a vida de Jesus Cristo! Repito aqui, para toda a Igreja, aquilo que muitas vezes disse aos sacerdotes e aos leigos de Buenos Aires: prefiro uma Igreja acidentada, ferida e enlameada por ter saído pelas estradas, a uma Igreja enferma pelo fechamento e a comodidade de se agarrar às próprias seguranças. Não quero uma Igreja preocupada com ser o centro, e que acaba presa num emaranhado de obsessões e procedimentos. Se alguma coisa nos deve santamente inquietar e preocupar a nossa consciência é que haja tantos irmãos nossos que vivem sem a força, a luz e a consolação da amizade com Jesus Cristo, sem uma comunidade de fé que os acolha, sem um horizonte de sentido e de vida. Mais do que o temor de falhar, espero que nos mova o medo de nos encerrarmos nas estruturas que nos dão uma falsa protecção, nas normas que nos transformam em juízes implacáveis, nos hábitos em que nos sentimos tranquilos, enquanto lá fora há uma multidão faminta e Jesus repete-nos sem cessar: «Dai-lhes vós mesmos de comer»

Reflexão: Como Deus tem estado presente na escuta durante estas reflexões? O que mais te tocou? Que resoluções este apelo te faz tomar?Partilhe com todos à sua volta.

Oração Final:  Cristo, cheio de misericórdia teu amor abraza a todos.Que nossos olhos vejam sempre aos pobres, somente os abandonados, como filhos e Filhas teus, Totalmente amados e valorizados por Tí.Continue presenteando-nos com o charisma que que nos impulsiona nas obras e vida de S. Vicente de Paulo. Ouví-nos para o bem estar daqueles que servimos!Amen to gift us with the charism that burned in the life and works of St. Vincent de Paul.  Hear us for the well-being of those whom we serve! Amen.