Minha Vocaҫᾶo

Quando há um chamado de Deus, não pode ser adiado … é difícil dizer não, apesar de todas as dúvidas e medos. É a beleza da explosão do Divino no ser humano, de ser atraído a entrar na Graça … nos espanta como isso pode acontecer, mas nos deixamos seduzir sem hesitação. A escolha É feita para seguir a Deus pois só assim há uma realização plena e autêntica. O “Senhor dos pequenos passos” convida à fidelidade, a viver a vida consagrada na plenitude do primeiro amor, sem esquecer o entusiasmo de se apaixonar mesmo depois de 60 anos!

Sessenta anos me parecem um sonho, nada tem sido peso ou sofrimento. Apenas um arrependimento: não ter dado tudo, mas muita alegria pelo que recebi em uma vida dada aos pobres, apesar da minha pequenez.
Digo obrigado por uma vida que encontra em profundidade a relação consigo mesmo, com os outros, com as irmãs e sobretudo com Deus. Graças aos meus pais, graças ao meu irmão padre que sempre me seguiu e graças aos superiores de quem recebi muito. Obrigado, Jesus, por hoje, amanhã e por todos os momentos. Sempre e somente obrigado.

Ir. Carmen, Província de São Vincenzo Itália