Minha Vocaҫᾶo

“E todo aquele que houver deixado casas, irmãos, irmãs, pai, mãe, filhos ou campos por causa de meu nome receberá muito mais e em herança a vida eterna.”(Mt19,29)

Quando eu era ainda pequena, eu gostava de brincar em casa… Bonecas coloridas eram minhas filhas e ursos de pelúcia meus filhos. Eu os levei em um carrinho de bebê, cuidei deles, os alimentei, troquei de roupa, eu os curei quando eles estavam “doentes”. Todo mundo tinha seu próprio nome… O clássico jogo de uma garotinha… E agora, depois de muitos anos, no jardim de infância que estou servindo, olho para as garotas que elas brincam na mesma diversão que eu.

Em cada um de nós há o desejo de ser importante para alguém e ser amado por alguém… JESUS me deu seu amor incondicional. Ele me ligou e me convidou para passar a minha vida com Ele, o cônjuge. Um dia ele me mostrou que tem um plano para mim que quer que eu me torne uma Serva-a Filha da Caridade, aquela que amará os outros tanto quanto Ele – incondicionalmente.

Hoje trabalho no jardim de infância. Um lugar extraordinário e único e ao mesmo tempo simples e comum. Parece que não há grandes coisas acontecendo aqui. Mas é o próprio Deus que nos envia esses filhos. Ele quer que semeamos boas sementes neles, para que uma vez eles mesmos sejam “pessoas boas”.

Minha vida cotidiana no jardim de infância é uma oração comum, diversão, aprendizado, gestos simples e atividades como escovar, às vezes alimentar, mas sempre com a segurança de Jesus: “Tudo o que você fez para um dos menores que você fez para mim.”/Mt25,31/ Jesus – Meu Mestre, Ele amou especialmente crianças, e hoje estou aprendendo a amá-las como elas são! Muitas vezes recebo deles lições de honestidade e simplicidade, criatividade e o fato de que o amor é criativo. Servir entre os mais jovens me dá muita alegria, nele descubro Jesus que me ajuda a entrar no mundo de um filho. E toda criança é um mundo diferente. Graças a isso Ele me molda e me permite experimentar que Ele está próximo. É o suficiente para colocar “copos de fé” e vê-lo nos menores – o que eu aprendo todos os dias!

 

 

 

 

 

 

Ir Natalia, Província de Cracóvia