LAUDATO SI: Maio – resíduos e a cultura do descartável