Rua, Comunidade e Serviço: Escoteiros e a Casa Santa Luisa em Turim

Scouts 11[São Vicente Itália] Turin Casa Santa Luísa-A viagem da vida proposta pelos escoteiros inclui um ano de actividade associativa. Os jovens são chamados para realizar o serviço, além de tempo comunidade, com os escoteiros. Federico e Sílvia, no ano passado, pediu para participar nas visitas domiciliares do grupo de jovens voluntários vicentinos, “Bem-aventurada Nicoli” da Casa Santa Luisa, em Turin.

Scouts 13Além disso, no ano passado, uma Filha da Caridade da Casa Santa Luisa foi convidada para dar uma palestra no Encontro Nacional de Turim para os escoteiros que estão estudando na universidade. O local da palestra foi «Le Nuove», um museu que anteriormente era uma prisão. O tema foi “seguido por suas ideias.” A Filha da Caridade partilhou com os jovens, sobretudo, o testemunho de vida dentro daquelas paredes na prisão de Irmã Giuseppina de Muro, Filha da Caridade, que vai receber o prêmio «Justo entre as nações» por seu engajamento heróico durante o regime fascita pelos nazistas.

Desde então, os escoteiros de Turim e os seus arredores têm “adoptado” a Casa Santa Luísa. As sessões de formação, festas, semanas comunitárias, experiências de serviço são seguidas com convicção. Casa Santa Luísa tem “dilatado as estacas da sua tenda (Is 54, 2)” e eis que também há espaço para escoteiros: a mesma cozinha, mesmo a sala de pequeno-almoço para pessoas sem abrigo que a Casa Santa Luísa recebe todas as manhãs dos dias úteis. Em algumas festas o lema de Pequeno-almoço, “Cultivamos relacionamentos”, tem ainda mais significado: na manhã de Natal, uma festa de família, e na festa da Assunção, quando o calor e as férias fazem Turim parecer desabitada. A sala de reuniões e a biblioteca se tornam  numa sala de estudo e recreação, e os quartos no sótão alojam os escoteiros para a noite.

Scouts 12A vida de um escoteiro tem três pilares: rua, serviço à comunidade.

A Casa Santa Luísa é uma porta aberta na estrada. Na Casa Santa Luísa existe uma comunidade que é criada dia após dia por nossos amigos sem-tecto, as Filhas da Caridade da casa de São Salvario  em Turim e os Voluntários. Esta “comunidade” está ao serviço de milhares de pessoas em dificuldade que vêm a Casa Santa Luísa para  serem aceites, colocados sob cuidados e acompanhados num caminho de relação  pessoal, social e civil para a recuperação. Na Casa Santa Luísa vivemos renascimentos reais, e é bonito de compartilhar essas ressurreições trabalhando com jovens engajados e ansiosos de  fazer a sua vida um dom para.

Ir.Cristina Conti, Filha da  Caridade

Views: 2.180