O processo para beatificação de irmã Leopoldina, Mr.Josepha Brandis

161017 Josepha 3a[Província Graz – Central-Europa]
Este pedido foi aceite pelo bispo de Graz-Seckau / Áustria, 16 de setembro de 2016. O Procurador Geral, P. Shijo Kanjirathamkunnel CM, apresentou o pedido e documentação relacionada em nome e na presença da Superiora Geral das Irmãs de Maria da Medalha Milagrosa, o novo “postulador” ir. Magda, Irmã Maria da Medalha milagrosa Kiev, nomeadas por nosso Superior Geral como sua substituta, a secretária Ir. Cristina, uma tradutora e Irmã Christa para as Filhas da Caridade. A partir dessa data, “Madre Brandis” pode ser invocada como uma “serva de Deus”.

Uma imagem da Madre Brandis com uma oração foi distribuída em esloveno, croata e alemão; outros idiomas se seguirão. Ela é um grande exemplo de fé na Divina Providência, no seu amor pelos pobres e seu amor pela obediência.”Se o bom Deus quer, eu também quero! “Ela disse muitas vezes, ” Senhor,  fazei da nossa comunidade um só coração e que seja empre de acordo com o seu coração “, e novamente:” Senhor, você sabe tudo o que vai acontecer comigo hoje, ofereço tudo antepadamente o “por toda tristeza e alegria “.

Pesquisa e classificação de documentos estão sendo intensificados: seus escritos, testemunhos, correspondência, listas das missões … embora muitos destes dados históricos foram destruídos durante os bombardeios de 1944 e 1945.

161017 Josepha 2Quem é a Ir. Leopoldina, Madre Josefa Brandis (1815 – 1900)?

Uma breve Biografia:

Madre Josefa nasceu a 27 de novembro de 1815, em Graz. Em 1837 conduzida pelo Bispo da Diocese, ela entra com algumas companheiras nas Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo, em Munique. Em 1841, as irmãs voltam para Graz para iniciar o serviço aos doentes no Hospital Geral da cidade. Em 1843, a Ir. Leopoldina tornou-se Superiora Geral das Irmãs da Caridade em Graz. Muitas jovens pedem ser acolhidas nesta nova comunidade para o serviço dos doentes.

Seu desejo de viver de acordo com as regras originais de São Vicente e das Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo foi concretizado em 1850/1851. O grupo de irmãs que já era  cerca de 80 uniu-se com a nossa, e Ir Leopoldina foi nomeada Visitadora.

161017 Josepha 4A Ir. Leopoldina comprometeu toda a sua vida aos pobres; os serviços aumentaram, as dificuldades também. Em resposta a uma incapacidade de ficar com os pobres doentes em suas casas, estabeleceu pela primeira vez uma espécie de associação de mulheres jovens treinadas para este serviço. Este foi o início da fundação das Irmãs de Maria da Medalha Milagrosa reconhecidas como uma congregação em 1925.

Na hora da morte de “Madre Brandis”, a província tinha cerca de 2.700 irmãos e 210 casas. Ela repousa na cripta da Casa Provincial; e continua sendo um brilhante exemplo de fidelidade, obediência e caridade.

Ir. Christa

161017 Josepha 3

Views: 2.127