‘Água para a Vida’ para além de 2015

[ONG-ONU] Irmã Germaine Price, representante da Companhia das Filhas da Caridade nas Nações Unidas, partilha a notícia abaixo vinda da ONU em Nova Iorque:

Em 2005, a ONU lançou a Década “Água para a Vida, 2005-2015”. Ficou evidente, na revisão dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e na preparação para a Rio+20, que o foco na água e no saneamento deve continuar a ser um tema central na tentativa de levar o desenvolvimento sustentável para todas as pessoas. Planeja-se torná-la um dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODMs) que se concentram nos recursos locais, nacionais e internacionais a fim de criar o “Futuro que Nós queremos”.

A água é essencial para a vida. Nenhum ser vivo no planeta Terra pode sobreviver sem ela. A água é um pré-requisito para a saúde e o bem-estar humanos assim como para a preservação do meio-ambiente. Entretanto, quatro entre dez pessoas no mundo não têm acesso a uma simples latrina e aproximadamente duas entre dez pessoas não têm nenhuma fonte segura de água potável.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, todos os dias, 3.900 crianças morrem por causa de água suja ou falta de higiene; doenças transmitidas através da água ou de excrementos humanos são a segunda causa de mortalidade infantil no mundo, depois de doenças respiratórias. A escassez de água e o saneamento inadequado causam um impacto negativo na segurança alimentar, nas escolhas de vida e nas oportunidades educacionais das famílias pobres ao redor do mundo.

Leia mais:

Para maiores informações sobre as Filhas da Caridade na ONU: www.cmdcngo.org

Views: 969