“Vós sois agora Deus ” – 34ª Jornada Mundial da Juventude no Panamá

[Província de Warsaw]  Vós não sois o futuro, não estais no “meio tempo”, mas sois agora Deus “, disse o papa Francisco durante a Santa Missa na 34ª Jornada Mundial da Juventude realizada em 27 de Janeiro no campo de João Paulo II no Metro Park, na Cidade do Panamá.

De 18 a 29 de Janeiro de 2019, realizou-se uma peregrinação de uma delegação da Família Vicentina da Polônia à 34ª Jornada Mundial da Juventude no Panamá. Estiveram presentes Padre Maciej Musielak CM, Diretor Nacional da JMV, Joanna Kielmas , representante da JMV, Kinga Zakrzewska, presidente da Juventude Vicentino, Artur Sobolewski, simpatizante da JMV, e Irmã Elżbieta Piętka, coordenadora da JMV da Província de Varsóvia.

A primeira etapa do nosso encontro foi em San Jose’de Malambo, ao serviço das Filhas da Caridade. Durante a Eucaristia da Família Vicentina a Medalha Milagrosa, cujo reverso era o retrato dos Pobres, foi levada na procissão com presentes. Foi uma expressão de alegria da Comunidade de jovens vicentinos de tantos continentes, atraídos pelo testemunho do amor de São Vicente, percebendo Cristo em todo ser humano, especialmente nos Pobres.

Haviam três temas que reflectiam: a alegria de ser vicentino; a alegria de anunciar o Evangelho e Maria, Mãe dos Pobres, baseada em fragmentos selecionados do Evangelho.

A Oração comum, reuniões de grupo e conversas individuais, apesar das barreiras de idioma, nos deram uma nova força e uma esperançosa olhada em nosso ministério diversificado no espírito vicentino. Uma grande vantagem foi a presença de nosso Padre Geral Tomaž Mavrič e sua disponibilidade, praticamente em todos os momentos, de conversar, gravar uma mensagem, interessar-se pela outra pessoa ao seu lado.

Na segunda-feira, 21 de Janeiro, nos reunimos no centro da cidade para participar das reuniões organizadas nas Paróquias e no Campus da Misericórdia com a possibilidade de rezar nas placas destinadas as Jornadas Mundiais da Juventude. Havia uma zona vocacional separada, que era muito popular. As caixas confessionais nas cores da Jornada Mundial da Juventude feitas pelos prisioneiros causaram uma ótima impressão. A cerimônia oficial de abertura da Santa Missa sob a liderança do Arcebispo Panamá intensificou a alegria de esperar por um encontro com o Santo Padre. É bom sentir o poder e o entusiasmo de uma poderosa onda de jovens. Este é o mais belo testemunho e profissão de fé, as palavras tornam-se desnecessárias. Nossas roupas, a batina, o hábito, a bandeira, o emblema com a Medalha eram também uma proclamação silenciosa do Evangelho. Muitas pessoas perguntaram sobre nossa pequena Companhia. Foi bom quando a maioria ouviu falar de São Vicente de Paulo. Nesta ocasião, estávamos distribuindo Medalhas Milagrosas que eles aceitaram com ternura e gratidão.

Também houve grande alegria quando o Papa Francisco estava passando por nós e nos dando Suas bênçãos antes de chegarmos à Cerimônia de saudação. Foi uma grande celebração dos jovens, reunidos em nome de Jesus ao lado de sua mãe, em frente à bela estátua de Maria, a padroeira do Panamá. É difícil descrever experiências ricas e variadas.

As palavras mais memoráveis ​​do Papa, que eu aceitei como lema são: “vós sois o agora Deus”. Sou feliz na vocação de uma Filha da Caridade, mais conscientemente quero fazer um presente de mim mesmo, que “o amor está em minha vida cotidiana, criativa ao infinito”. O Papa enfatizou que “Jesus não está” enquanto isso “, mas há amor misericordioso, que quer penetrar em nossos corações. Ele quer ser nosso tesouro, porque Jesus não é um “meio-termo” na vida ou passando por moda temporária; ele é amor que se doa, que nos convida a dar-se … O Evangelho deve expressar-se na vida de todo cristão em um amor concreto de doação, como Maria, que disse: “Faça-se em mim”.

Em meditação durante a Via-Sacra, o Papa Francisco nos encorajou a “contemplar Maria, uma mulher forte. Queremos aprender com Ela enquanto estamos debaixo da cruz. Ela poderia acompanhar o sofrimento de seu Filho, apoiá-Lo com seu olhar e protege-lo com o coração dela. Ela é uma grande guardiã da esperança “. Dela, aprendamos a não perder o espírito e recomeçar em situações em que tudo parece estar perdido

Resumindo a mensagem aos jovens, terminarei com a minha resposta à pergunta feita pelo Santo Padre – sim, quero ser uma “pessoa influente” ao estilo de Maria, que ousou dizer “deixe acontecer comigo”. ” Afinal, “somente o amor nos torna mais humanos”.

Que o nosso bom Deus seja glorificado pelo dom da nossa Imaculada Mãe, pela sua proteção e bondade, que se realiza através do coração da sua mãe, pelo dom da nossa Família Vicentina, por cada “VICENTINO” com quem nos pudemos encontrar.

Views: 1.335